sábado, 11 de fevereiro de 2012

Rodoviária: chuva molha,COPASA seca

Quando chove não falta água no terminal rodoviário. As goteiras garantem o fornecimento. Ainda bem, porque a COPASA teve que cortar a água por falta de pagamento...

Um comentário:

Quirino disse...

É deprimente o estado de conservação da nossa rodoviária! E a questão dos andarilhos que ficam ali nas imediações? É simplesmente chocante! Outro dia, por volta de 14hs, eu presenciei uma cena bizarra: uma andarilha que ocupa, juntamente com outros, a porta do museu ferroviário, próximo à rodoviária, parecendo estar fora de si, conversando coisas desconexas, atravessou a rua, entrou no canteiro próximo às escadarias da Praça da Estação, baixou a calça e fez suas necessidades fisiológicas despreocupadamente. Procurei o administrador da rodoviária para saber se já havia tomado alguma providência para retirada daquele pessoal dali, e ouvi uma ladainha tão sem sentido, uma predisposição em defender o Prefeito e sua equipe, discorreu até sobre a questão da "humanidade", que "eles são seres humanos", que também tem o direito deles, enfim.... Percebi que o Sr. Gaspar é mais um dos defensores ferrenhos do Prefeito, defendendo-o em qualquer circunstância, sendo o mesmo omisso ou não. Lamentável!!!

b56a63c5-6e12-4ad3-81ef-13956069e781