segunda-feira, 17 de dezembro de 2012

Fernando Cabral confirmou que prefeitura realizará concurso no 1º semestre de 2013

Cabeçalho
  Bom Despacho-MG, 17 de dezembro de 2012 – Em correspondência endereçada aos futuros secretários municipais, Fernando Cabral deu as diretrizes gerais sobre o concurso que a prefeitura realizará em 2013. Na oportunidade pediu que cada secretário avalie as necessidades de pessoal de sua pasta.
Fernando Cabral - Foto de
                arquivo    Fernando Cabral informou que levantamentos preliminares indicam a existência  de cerca de 300 vagas a serem providas mediante concurso público. Segundo o prefeito  eleito, a maioria encontra-se na área da educação, seguida pela saúde. "Mas, ainda que em quantidade menor, haverá vagas em outras áreas. Por exemplo,  temos carência de fiscais ambientais, fiscais de obras e agentes de trânsito", esclareceu.

.  Segundo Cabral, a maioria das vagas destina-se a profissionais de curso superior. Em alguns casos, como professores, médicos, psicólogos, assistentes sociais, na sua respectiva especialidade. Para certos cargos, as vagas serão para qualquer curso superior. "É o caso dos fiscais. Nossa tendência é aceitar formação em qualquer curso superior", informou.

   Quanto à época da realização do concurso, Fernando Cabral informou que pretende fazer as nomeações em agosto de 2013. Depois de salientar que concursos sempre têm duração imprevista, por causa da possibilidade de recursos administrativos e judiciais, o prefeito eleito falou sobre o cronograma que pretende seguir:

    – Em janeiro e fevereiro levantaremos as necessidades de pessoal, redigiremos o edital e contrataremos a empresa que aplicará as provas. Esperamos  publicar o edital em março.  Nesse caso, as provas serão marcadas para maio. Os resultados serão homologados até julho,  com início das nomeações em agosto. Trabalharemos para isso.

    O prefeito eleito adiantou, também, como deverão ser as provas: "algumas provas serão aplicadas para todos os cargos, ainda que com nível de dificuldade diferente, conforme as especializações. Por exemplo, Direito Administrativo, Direito Constitucional (artigos 1º a 11 e 37 a 41), Português (com ênfase em redação oficial e interpretação de texto) leis municipais (Lei Orgânica, Estatuto do Servidor, Lei do Processo Administrativo). Para muitos cargos – como agente de trânsito e fiscais – exigeremos também carteira de motorista e carteira de motociclista. Haverá, ainda, provas específicas, conforme o cargo.

    Cabral destacou, ainda, que todas as regras serão explicitadas no edital, "mas os interessados já podem estudar as matérias acima, pois é certo que cairão nas provas de todos os cargos."
Gabinete do Prefeito eleito Fernando Cabral, 17 de dezembro de 2012
Locomotiva
Cabeçalho

Nenhum comentário:

b56a63c5-6e12-4ad3-81ef-13956069e781