quinta-feira, 5 de janeiro de 2012

O caos no trânsito de Bom Despacho

Se quiser dar opinião sobre esse assunto, clique aqui e visite o fórum de Bom Despacho.

O caos paralisou o trânsito urbano de Bom Despacho. É tentador justificar a situação com base no aumento do número de veículos. Entretanto, esse aumento explica apenas uma pequena parte do problema. A principal causa do pandemônio é a falta de medidas administrativas. Ou – o que é pior – de medidas arbitrárias e danosas.

Entre as medidas arbitrárias e danosas, está a permissão de carga e descarga em horários e locais impróprios. Na Praça da Matriz, por exemplo, tem joje descarregando carretas em horários de pico. Está também a colocação de pontos de ônibus em locais impróprios.

Com relação às medidas administrativas, algumas são erradas por omissão, outras por ação.

Um exemplo de ação errada: na Praça da Matriz havia um estacionamento rotativo. A prefeitura acabou com ele, quando o que a comunidade precisava era de aumento das vagas dedicadas a ele. Com isso, muita gente faz a Praça de estacionamento particular. Quem precisa vir ao centro fica a ver navios.

Quanto à omissão, um exemplo são as conversões não proibidas na Rua do Rosário, nas junções com as ruas Ana Ismênia e Nossa Senhora de Fátima. Naquele trecho da Rua do Rosário as conversões à esquerda deveriam ser proibidas nos dois sentidos. Quando um caminhão, ônibus ou mesmo carro pequeno faz a manobra no horário de trânsito pesado, a paralisação é certa.
A conversão à esquerda paralisa o trânsito na Rua do Rosário

No mesmo lugar há omissão também quanto ao estacionamento. Naquele trecho da rua, a prefeitura deveria proibir o estacionamento de veículos. Com essas duas medidas a fluidez aumentaria substancialmente.

Esses são alguns exemplos de como a prefeitura poderia melhorar o trânsito da cidade sem que para isso houve grandes gastos.

13 comentários:

Anônimo disse...

Fernando, essa DESADMINISTRAÇÃO MUNICIPAL atual está realmente uma MERDA. Ela consegue não ter nenhum ponto positivo.

Além das falcatruas não está fazendo mais nada.

Anônimo disse...

Falando em trânsito, outro problema sério são as motos de DISK CERVEJA. Será que a PM vai esperar acontecer uma desgraça para fazer cumprir a lei.

VAMOS LANÇAR UMA CAMPANHA, DE NÃO COMPRAR EM ESTABELECIMENTOS QUE SEUS MOTOQUEIROS NÃO RESPEITEM OS CIDADÃOS.

Eu já parei de comprar do TELEBAR DO RATINHO por causa das imprudências de seus motoqueiros.

Pedro Couto disse...

Outra questão que vale a pena mais atenção e fiscalização é o tráfego de veículos pesados em avenidas e ruas, como a Rua do Rosário e Centro em horários de pico. Além de inúmeros acidentes envolvendo estes tipos de veículos nestas vias, não há qualquer fiscalização e punição, mesmo havendo algumas placas adivertindo sobre a proibição do tráfego acima de certa Tonelada.

Anônimo disse...

... De fato: os motociclistas que efetuam tele-entrega, representam um enorme desconforto ao trânsito desta cidade ( ou por imprudência dos mesmos ou por pressão dos patrões ). E, principalmente do chamado "TELEBAR DO RATINHO", onde já fui vítima de um funcionário imprudente, imbecil, incompetente ( E NÃO SE TRATA DE UM CASO A PARTE ! ). Tomei as medidas cabíveis, mas a ganância do patrão continuou prevalecendo...

Marcio disse...

TAMBÉM NÃO COMPRO DESTE RATINHO.
Falta empenho da Polícia na fiscalização, se eles ficassem nas vias de acesso destes DISK CERVEJAS, pegaraim vários motoqueiros por direção perigosa, excesso de velocidade, falta de habilitação,etc. Sem contar que muitos não são registrados na empresa.

VAMOS LANÇAR A CAMPANHA EVITARMOS COMPRAR EM ESTABELECIMENTOS QUE SEUS ENTREGADORES NÃO RESPEITAM A POPULAÇÃO COM SUAS IMPRUDÊNCIAS.

ANTES QUE MATEM UMA PESSOA ATROPELADA!!!

Clenio Araujo disse...

E a situação das vagas reservadas para táxi na Praça da Matriz? Um dos maiores absurdos da cidade. Nem comento as duas em frente ao Hosp. Dr. Miguel (que, é óbvio, são necessárias mesmo!).

Mas aquela parte inteira que vai de frente ao Santander até em frente à Eletrozema não tem como entender!!!! Sempre há, no máximo, cinco carros parados e umas 20 vagas à toa. O mínimo do bom senso indica diminuir tanta vaga por ali. O mínimo!

Clenio Araujo disse...

Tive a curiosidade de contar: são 24 vagas no trecho citado acima. Quase sempre, com a maioria delas vazia. E tanto carro dando volta inútil pra tentar estacionar...

Há meses, ouvimos dizer que será contratada uma consultoria pra organizar o trânsito na cidade. Vão deixar pra perto das eleições?

Dudu disse...

Agora o que tem de motorista que não respeita as leis nem a população em geral, são veículo parados em fila dupla, conversões em locais proíbidos, estacionados em ponto de onibus, carga r descarga. Nunca vi no cóigo de trânsito estacionamento em via pública para farmácia, etc.

A polícia deveria ser mais severa, pegou em fila dupla, multa! Geralmente tentam levar numa boa, pedem para andar, mas o povo está ficando lerdo.

Quirino disse...

Em 2007, eu já comentava através de um artigo escrito no Jornal de Negócios,sobre a questão do trânsito em Bom Despacho. Estranhei muito, talvez por estar vindo de Brasília, onde pedestres são respeitados e respeitam, onde não se vê tanta negligência, imperícia e imprudência por parte de motoristas, como se vê aqui em Bom Despacho. Neste mesmo ano foi feito um concurso público para a Prefeitura de Bom Despacho, com 5 vagas para o cargo de "Agente de Trânsito". Esses agentes nunca foram convocados pela Prefeitura! E o caos triplicou nestes 5 anos!

Quirino disse...

Concordo com o comentário sobre a atuação da polícia que atua no trânsito da cidade. São muito benevolentes.
Acho que a raiz do problema do trânsito em Bom Despacho é mais profunda; envolve a questão de educação mesmo. A maneira de se portar no trânsito demonstra claramente o nível da pessoa.
Outra coisa: Penso que deveria se exigir mais do candidato a motorista, nas auto-escolas. Tem muita gente se habilitando, porém, sem nenhuma condição de conduzir um veículo. O CTB é muito claro, se fosse seguido realmente, não haveria tanto absurdo!

Anônimo disse...

cada cidade merece o transito que tem !!!!!! todos nos somos culpados .. eu fico observando , em bd ninguem usa o cinto de segurança, ninguem para na passagem de pedestre,entre tantas coisas que acontecem ... a policia tem medo de multar porque tem que ser feita uma abordagem antes,pois se multa um carro vem la o pai, tio , parente proximo que na maioria das vezes CORONEL REFORMADO OU NA ATIVA, TENENTE, SARGENTO E ALGUMA PATENTEZINHA MAIS OU MENOS PRA FERRA O pm que aplicou a multa..habilitaçoe sao ganhas a troca de caixas de cerveja ou pequenos galhos quebrados em outras conf=diçoes... tem jovens ai que nao tem nenhuma condiçao de dirigir,mesmo assim sao aprovados..os motoqueiros do teleber nao sao o unico problema,, voces se esqueceram de umas caminhonetes de uma rede de supermercados de bd que pensam que sao pilotos de formula 1 e pisam fundo pelas ruas fazendo as entregas...se eu for falar nao cabera no comentario do blog!!! minha gente nos somos os verdadeiros culpados pensen nisso ...vomos nos reeducar

Anônimo disse...

o anonimo acima esqueceu de lembrar das motocicletas que acham que estão sempre querendo quebrar o record de tempo sua ultima entrega, colocando em risco os pedrestres e causas de acidentes.cidade onde quase todos é parente de militar é uma complicação. pois sempre há jeitinhos para colabolarar. a cidade toda tá uma vergonha, tem muita coisa errada aqui, mas não temos politicos, e nem a justiça é feita

Anônimo disse...

ATROPELARAM A UNS DIAS ATRÁS UMA MENINA DE 12 ANOS. ELA ESTÁ NO JOÃO 23 EM BH. PARECE QUE AGORA FORA DE PERIGO.

VAMOS RESPEITAR AS LEIS DE TRÃNSITO E O PRÓXIMO.

b56a63c5-6e12-4ad3-81ef-13956069e781