quinta-feira, 19 de abril de 2012

PF desbarata mais uma quadrilha comanda por prefeito

O acontecido em Presidente Kennedy/ES, mostra bem o que acontece quando o prefeito rouba: a cidade com renda por cabeça maior do que a de países desenvolvidos, tem um sistema educacional falido e uma saúde precária. Ou seja, onde há roubalheira, não há dinheiro que chegue (veja abaixo).

Operação Lee Oswald prende prefeito por desvio de cerca de 50 milhões

19/04/2012
Vila Velha/ES – A Polícia Federal, com apoio da Controladoria-Geral da União e do Ministério Público Estadual, deflagrou hoje, 19 de abril, a Operação Lee Oswald, com o objetivo de desarticular organização criminosa responsável por fraudes em licitações, superfaturamentos, desvio de verbas, além de pagamentos indevidos em contratos de serviços e compra de materiais no Espírito Santo.

A operação consiste no cumprimento de 79 mandados judiciais, sendo 51 de busca e apreensão, além de 13 mandados de prisões preventivas e 15 de prisões temporárias. Todas as 28 pessoas já foram presas.

A investigação, iniciada há seis meses, verificou que o líder da quadrilha era o prefeito de Presidente Kennedy/ES. A cidade é a campeã de créditos em royalties do estado, com quase vinte por cento de todo o valor recebido pelo Espírito Santo, o que permite que o PIB per capita alcance padrões superiores aos de países desenvolvidos. Entretanto, o município é o lanterna do ranking educacional no estado e apresenta o quarto pior índice de desenvolvimento humano entre as cidades capixabas, segundo o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento – PUND.

A grande quantidade de recursos municipais era desviada para os membros da quadrilha. As licitações eram montadas a partir de editais que restringiam a concorrência e eram direcionadas para grupos econômicos previamente escolhidos, que simulavam legalidade do processo. Foi identificado, até o momento, o desvio de cerca de  cinqüenta milhões de reais.

A quadrilha era formada pela sobrinha do prefeito, que acumulava a chefia de três secretarias municipais, além do Procurador Geral do Município, integrantes da comissão de licitação, empresários e dois policiais militares, sendo um deles o Comandante da Guarda Municipal. Um membro da executiva estadual do partido político do prefeito também participava do esquema criminoso.

Os envolvidos poderão responder pelos crimes de corrupção ativa e passiva, advocacia administrativa, prevaricação, peculato, falsidade ideológica, formação de quadrilha e lavagem de dinheiro, além de crimes específicos previsto na Lei de Licitações (lei 8.666/93).
O nome da operação: Lee Oswald foi considerado responsável pelo assassinato do Presidente norte americano John Kennedy. A ação policial de hoje possibilita o fim de desvio de recursos públicos na cidade.

Será concedida hoje, às 10h, entrevista coletiva no auditório da Superintendência da Polícia Federal no Espírito Santo, localizada à Avenida Vale do Rio Doce, 01, São Torquato, Vila Velha/ES.
 
Comunicação Social da PF no Espírito Santo
Tel.: (27) 3041-8051 / 3041-8029

2 comentários:

Anônimo disse...

a pergunta que não que calar é:

quando chegará a vez de Bom Despacho?

Passaremos nosso centenário com a quadrilha no poder?

Anônimo disse...

SIM , PASSAREMOS.... SÓEM OUTRO CENTENARIO (DUZENTOS ANOS) VIU?!?!?! VOCE ESQUECEU QUE NÃO EXISTE LEI..... QUE AQUI É O PAIS
MAIS CORRUPTO DO MUNDO? QUE EM BOM
DESPACHO NÃO TEMOS AUTORIDADES EM DIREITO...?

b56a63c5-6e12-4ad3-81ef-13956069e781